O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse nesta quinta-feira (16/12) que não interfere na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), mas que pediu o nome de quem aprovou, mais cedo, a aplicação da vacina da Pfizer contra a Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos. A liberação foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU).

“A Anvisa não está subordinada a mim, deixar bem claro isso. Não interfiro lá. Eu pedi o nome das pessoas que aprovaram a vacinação de crianças de 5 a 11 anos, para que todo mundo tome conhecimento de quem são essas pessoas e formem o seu juízo. […] Você tem o direito de saber o nome das pessoas que aprovaram a vacinação a partir de 5 anos”, disse o presidente durante transmissão ao vivo nas redes sociais.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo da política?

Assim, é só seguir o Jornal da Política no Facebook, você vai acompanhar tudo sobre políticaeconomiageral etc. Siga a gente para saber mais! Participe do nosso grupo no Telegram 👉 https://t.me/jornaldapolitica

Facebook Comments