A ex-deputada e cantora gospel Flordelis (PSD-RJ) foi condenada hoje a 50 anos e 28 dias de prisão pela morte do pastor Anderson do Carmo. Ela respondia por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio, uso de documento falso e associação criminosamente armada.

 

O julgamento, iniciado na última segunda-feira (7), se encerrou na manhã deste domingo (13).

Além de Flordelis, também foram julgados quatro familiares dela. A filha biológica, Simone dos Santos Rodrigues, foi condenada a 31 anos e quatro meses de prisão por homicídio, homicídio qualificado e associação criminosa.

Os outros três acusados, Marzy, Rayane e André, foram inocentados.

Facebook Comments