A taxa de desemprego no Brasil recuou para 9,3% no trimestre encerrado em junho, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (29/07) pelo IBGE.

A taxa de desocupação do trimestre móvel de abril a junho de 2022 recuou 1,8 ponto percentual (p.p.) em relação ao trimestre de janeiro a março de 2022 (11,1%) e 4,9 p.p. ante mesmo período de 2021 (14,2%). Foi a menor taxa de desocupação para um trimestre encerrado em junho desde 2015 (8,4%). A população desocupada (10,1 milhões de pessoas) recuou 15,6% (menos 1,9 milhão de pessoas desocupadas) frente ao trimestre anterior e 32,0% (menos 4,8 milhões de pessoas) na comparação anual.

contingente de pessoas ocupadas (98,3 milhões) foi recorde da série iniciada em 2012, com alta de 3,1% (mais 3,0 milhões) ante o trimestre anterior e de 9,9% (mais 8,9 milhões) ante o mesmo período de 2021. O nível da ocupação (percentual de pessoas ocupadas na população em idade de trabalhar), estimado em 56,8%, foi o mais alto para um trimestre encerrado em junho desde 2015 (57,4%), subindo 1,6 p.p. no trimestre e 4,7 p.p. no ano.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo da política?

Assim, é só seguir o Jornal da Política no Facebook, você vai acompanhar tudo sobre políticaeconomiageral, etc. Siga a gente para saber mais! Participe do nosso grupo no Telegram  https://t.me/jornaldapolitica

Facebook Comments